08/04/2015

50 Tons de Cinza não representa os New Adult

Oi gente, tudo bem? 
Pensei muito antes de falar sobre esse tema, é algo que eu queria falar a um tempo mas tive que frequentar algumas palestras, lançamentos e hangouts para formar um opinião sobre este "novo" tipo de literatura. Desde que estourou 50 tons de cinza, o mundo da literatura erótica vem aumentando cada vez mais e uma das grandes apostas de editoras é esse gênero, especificamente voltado para as mulheres. Hoje em dia, algumas editoras de grande sucesso estão lançando selos voltados para o New Adult, como a Rocco com o selo Clube Violeta. Com cenas de sexos, palavrões e contextos picantes, é um dos gêneros mais vendidos no Brasil. São dos mais variados títulos, autoras ou enredos que podemos encontrar cenas de sexo nos livros, algo comum na vida das mulheres, que agora estão sendo cada vez mais relatados nos livros. A Universo dos Livros, é uma das editoras que mais publica livros eróticos e são inúmeros os títulos já publicados. Meus preferidos da editora é A Ruiva Misteriosa e Cretino Irresistível. Com um título assim você diria que se trata de literatura erótica?  


Apesar que esse gênero já existe a muito tempo, foi só quando 50 Tons de Cinza foi lançado que começou a gerar toda a aquela polêmica. Como boa leitora, e uma pessoa curiosa, eu resolvi ler para descobri o que tanto tinha nesses livros que deixava a mulherada nas alturas. Após a leitura, com uma opinião bem sincera, eu odiei o gênero. 50 Tons de Cinza não representa as literaturas eróticas. Só tinha sexo, submissão, sexo, alguns palavrões, mais sexo.. Não tinha um enredo fixo e evolvente. Desculpe quem gosta dela, mas eu não gostei nada do livro dela. Em três livros, ela poderia ter feito em um só. Mesmo se tratando, talvez, de um gênero New Adult puxado para sado, existem outros livros nessa mesma pegada que deixam 50 tons no chinelo. Depois que li, eu tinha decidido nunca mais iria ler algo nesse naipe. Quando recebi a notícia que tinha sido escolhida como parceira da universo, fiquei bastante feliz e logo pedi um livro, eu nem sabia que se tratava do gênero que eu havia dito nunca mais ler. Comecei a leitura, fui amando e as cenas picantes passavam, na minha cabeça eu continuava lendo um romance simplesmente. O que me chamou atenção para a escolha do livro foi o título e a capa, fiquei louca para saber do que se tratava e acabei descobrindo um universo feminino fascinante. Depois dele, comecei a ler outros livros e até mesmo livros de autoras brasileiras, comecei a entender o que realmente é uma literatura erótica. O livro desse gênero tem enredo, tem história e não é apenas sexo explicito. Pessoas e suas manias de julgarem. Quando leio um livro de outros gêneros, a autora sempre chega na hora do "vamos ver" mas nunca detalha, deixa no ar, porém mulheres querem ler as entre-linhas. Somos curiosas, desejamos saber o que acontece nos mínimos detalhes. Frequentei alguns bate-papos sobre os new adult e é interessante o quanto as mulheres devoram livros atrás de livros desse gênero.
Algo bem legal, foi que todas, sem exceção, disseram que quando descobriram o gênero ficaram felizes em encontra algo mais adulto, picante, mas sem deixar o romance de lado. Eu escutei mulheres suspirarem por personagens, agradecerem a autora e implorarem por mais livros. Literatura erótica, não é pornográfica. Sexo é algo comum nas relações das mulheres e claro que quando foi exposto nas páginas trouxe espanto, contudo é pura realidade. Quer dizer... ainda não encontrei nenhuma mulher que achou seu personagem favorito em forma humana. As autoras trazem a realidade, o corpo a corpo, as entre-linhas, os detalhes mais picantes que acontece entre quatro paredes, - muitas vezes não acontecem em quartos- entre qualquer lugar. Uma das autoras brasileiras que mais cresce nesse meio é a Nana Pauvolih, parceira do blog. O livro dela traz algo que quase nenhum livro brasileiro da atualidade possui, contextos e cenas no cenário brasileiro. Sendo suas leitoras, o que mais encantou elas foi isso, os cenários eram do seu convívio. Elas podiam embarcar nas loucuras dos personagens e conheciam os locais onde aquilo ocorria. Comecei a ler o livro dela e já estou querendo os outros livros, são história viciantes demais. 
Eu tenho uma noticia, como sou uma pessoa com sorte- talvez, um pouco de sorte-, nesse lançamento que ocorreu sábado (04/04), ganhei outro exemplar do novo livro da Nana, "Redenção de Um Cafajeste". E adivinhem o que teremos... sorteio! Ela autografou o livro, ainda tem um marcador de página do livro e algumas amostras grátis dos lançamentos eróticos da editora Rocco. Como gosto de suspense, a promoção ainda não tem data de lançamento mas logo alguma sortuda terá o seu reizinho em casa ;)


E vocês, o que acham das literaturas eróticas?

Obs ¹: Estou pensando em abri uma categoria sobre os new adult no blog, o que acham sobre isso? Especificamente todo mês, ou quinzena, eu traria um livro sobre esse gênero para mostrar a vocês. Deixo essa questão no ar. 

23 comentários:

  1. não conhecia essa autora brasileira, quanto ao 50 tons eu amei o livro mas conheço várias pessoas que não gostaram, ainda não vi o filme e nem tenho mais tanta vontade depois de ler muitas reclamações.
    adorei ver o seu ponto de vista sobre o livro
    bjs

    ** https://www.youtube.com/crisartigosfemininos **

    ** http://crisartigosfemininos.blogspot.com.br/ **

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Eu não li e nem vi o filme e sinceramente não tenho vontade nenhuma em conhecer, kkkk
    Pelos comentários e resenhas que vi não me chamou atenção...
    Gosto sim de leitura erótica, mas como vc disse, tem q. ter uma história, tem q. te envolver!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir
  3. Achei muito interessante sua opinião , eu não cheguei a ler 50 tons de cinza e pra falar a verdade não tenho o mínimo de interesse , eu nunca cheguei a ler livros de conteúdo adulto , mas já li vários contos eróticos em sites e me interessaria sim ler um livro assim que tenha uma história interessante que envolve romance e sexo .

    Beijos adorei a postage,!

    ResponderExcluir
  4. Nossa não sabia que era assim, eu fiquei muito curiosa em ler este livro, mas vendo sua opinião até desanimei rsrsr
    Mas é importante a gente dizer a verdade e dar a opinião, acho muito importante
    Gostei da sua sinceridade
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Nossa não sabia que era assim, eu fiquei muito curiosa em ler este livro, mas vendo sua opinião até desanimei rsrsr
    Mas é importante a gente dizer a verdade e dar a opinião, acho muito importante
    Gostei da sua sinceridade
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Acho que o livro %0Tons de Cinza foi midiático demais e enredo de menos.
    Até para ser sexy e erótico tem que ter um enredo que traga um pouco de realidade e este foi chato demais.
    Concordo com você, não representa o gênero.
    bj

    ResponderExcluir
  7. Esse é um estilo de literatura que não me atrai, lendo o seu post, lá no início, vi que também não era muito chegada a esse estilo. Quem sabe não pode acontecer comigo o que aconteceu com você na segunda parte do seu post?
    Só lendo mesmo outros autores para saber, mas por enquanto...sei que não curto...
    bjs

    WWW.PAINELPARACONGRESSO.COM

    ResponderExcluir
  8. Gostei muito de saber sua opinião sobre o filmes.. Eu adorei o filmes e livro sou suspeita hehe
    Beijos

    www.umaboamae.com.br

    ResponderExcluir
  9. Que bacana saber e
    melhor que você mudou e ideia
    e esta vendo pelo outro lado agora
    concordo contigo
    Linda Noite!!
    beijokas da Nanda

    Mamãe de Duas

    ResponderExcluir
  10. ainda não li e morro de vontade de ler e ver o filme que por sinal só se fala dele.
    adorei a postagem
    e seu blog é lindo
    bjkss

    ResponderExcluir
  11. Concordo totalmente com você sobre o livro 50 tons de cinza e acho bem legal você abrir uma categoria sobre esse assunto.
    Bjus
    Jaque
    www.quebreiaregra.com.br

    ResponderExcluir
  12. Não sei o que acho deste tipo de literatura... Morri de preguiça de ler 50 Tons e parei na metade! Mas gostei do filme!
    Beijos

    Little Bit of Glamour

    ResponderExcluir
  13. Nunca li livros eróticos e pra falar a verdade não me interessa muito não! todo mundo fala de 50 tons de cinza, mas não tive interesse de ler! bjo

    ResponderExcluir
  14. Vc acredita que ainda não li e nem assisti 50 tons? Pode me criticar, mas confesso que estou super curiosa, e acho legal ter esse novo gênero. Por que não?

    ResponderExcluir
  15. Bacana, nunca li nada do gênero.
    Não me interessei pelo 50 tons de cinza, acredito que foi mais marketing mesmo.
    Parabéns pelo post, talvez por causa do post eu busque algo do gênero pra matar a curiosidade. kk
    Bjão

    www.blogdajeu.com.br

    ResponderExcluir
  16. Confesso que não me atrai a leitura nisso, mas o filme me atraio e muito, não pelo erotico, mas o romance e a luta dele querer estar com ela , mas ao mesmo tempo não querer mudar. só espero que não enrole muito igual crepusculo :(


    http://falkartedecoracao.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Este tipo de literatura é interessante , mas confesso que não é muito atrativa para mim. O tema em si acredito que sempre vai gerar polêmica aliás tudo que é muito velado quando é transcrito gera burburinho. Beijos

    ResponderExcluir
  18. Oi Luanna cria sim a categoria..pq amei os 50 tons de cinza, mas ouço sempre isso q tem livros melhores q esse...que tal trazer pra gente conhecer?! Hehehe vou amar! Beijinhos :*
    www.estiloaqualquercusto.com

    ResponderExcluir
  19. Eu ainda não vi o filme nem li o livro, mas estou super afim de ver o filme no final de semana!
    bjcas
    http://www.estou-crescendo.com/

    ResponderExcluir
  20. Eu leio esse "novo" gênero New Adult e tem títulos que compensam a leitora e como outros tem o enredo fraco e enfatiza tudo de forma bem superficial.
    Eu li a trilogia 50 Tons de Cinza ela se enquadra no enredo fraco. kkkkkkkkkkk
    Mas, crie essa categoria, pois é um tema meio polêmico.


    Blog Make-Lovers| Fan Page | Twitter

    ResponderExcluir
  21. Olha, eu não curti tbm este livro, algumas pessoas falam que deveria abrir a cabeça, mas sinceramente não sou nenhuma puritana, nem terminei de ler, pq achei um livro extremamente agressivo e machista. Gosto sim de boas histórias eróticas, mas com enredo mais rico, sinceramente é muna opinião. Me interessei pelo "Cretino irresistível" ue comentou :P Só conheço a Victoria's Secret kkkkk Totalmente fora eu né?! Mas por isso passo por aqui, sempre obtendo informações para estar por dentro do mundo da beleza :D
    Beijos <3 WalMontani.com

    ResponderExcluir
  22. As pessoas q gostam desse tipo de sexo não se portam cmo no livro. Mas né.

    ResponderExcluir
  23. Apesar de gostar muito de livros, de ler, e de literatura, esse tipo de livro não faz o meu estilo. As pessoas são livres para gostar ou não. Você fez bem em expor sua opinião. Eu por exemplo não assisti ao filme e nem li o livro, prefiro livros com outros enredos, como "Um dia", "Deslembrança", entre outros. Beijos, Érika

    www.queroseralice.com.br

    ResponderExcluir